sábado, 4 de julho de 2015

Uma ideia errada que tinha...

Sempre pensei que o Benfica de Jesus fazia melhores 2ªs voltas que 1ªs.

Estava enganado. Na coluna da esquerda os pontos conseguidos na 1ª volta e na da direita na 2ª volta. Só em 2013/14 e 2009/10 as 2ªs voltas foram melhores que as primeiras.

No entanto, uma ideia nunca me abandonou enquanto Jesus esteve no Benfica: sempre vi o Benfica a praticar melhor futebol na segunda metade do campeonato.

Será que isto significa que as equipas dele normalmente estão menos preparadas do ponto de vista psicológico para aguentar a pressão? Será que significa que fisicamente as equipas não são bem preparadas para a 2ª metade da época? Será apenas uma estatística bacoca?

Não procuro com isto chegar a nenhuma conclusão para já.

Ultimamente li o livro do Rui Vitória e estive hoje atento ao primeiro treino do Benfica que passou na Benfica TV. Rui Vitória preocupa-se muito com os aspectos mentais do jogo. Do físico, não me recordo de ter lido nada relevante a não ser o perfil dos médios centro, posições para as quais RV pretende jogadores que consigam dotar a equipa de resistência, velocidade e agressividade que, aliadas a uma forte preparação mental, permitam que a equipa controle o miolo nos jogos. Não sei se ele vai continuar a optar por este perfil estando no Benfica. Cá estaremos para ver...

Mas voltando a Jesus e tendo em conta o que ele exige à sua equipa do ponto de vista físico, será possível uma equipa ter um desempenho semelhante ao que o Benfica apresentou nos últimos anos, sem ter infrastruturas como o Benfica Lab capazes de controlar ao milímetro todos os peidos que os jogadores dão? E quais serão as consequências da exigência extrema de Jesus quando o físico e o mental falham? É claro que o Sporting tem meios e infrastruturas muito boas para o desenvolvimento dos seus atletas, mas será que chega?

São muitas perguntas para as quais estou ansioso por respostas. Não tenho nenhuma conclusão. Tenho muitas dúvidas.

3 comentários:

  1. Controlo ao milimetro todos os peidos????
    Então mas isso nao se controla em decibeis????

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. foda-se! parabéns! Fizeste-me rir e olha que não é fácil. O meu humor é igual ao do Chuck Norris! Estiveste bem São Jorge

      Eliminar
  2. Por acaso era uma ideia que inocentemente partilhava, aquela ideia difundida até pela imprensa que as equipas de jesus só começam a carburar em Março, daí que os resultados durante primeira parte da época seriam piores que na segunda.

    No entanto, não tendo tempo para fazer uma análise elaborada, acho que nos cingindo apenas ao campeonato esta "teoria" se comprova. Seria também essa análise com base em percentagem de vitórias sobre total de jogos, visto que aí acho que novamente a "teoria" se comprova.

    ResponderEliminar