sexta-feira, 15 de agosto de 2014

GUIA 2014/15 Liga Portuguesa

O quê? Um guia da Liga Portuguesa completamente à borla? Pois é, amigos estimados leitores, aqui encontram tudo o que vão precisar de saber mesmo a tempo do pontapé de saída que é já hoje. Infelizmente o mercado ainda não fechou e os plantéis que agora apresento ainda sofrerão alterações (actualizarei quando o mercado fechar), mas pelo que aqui vos deixo já vão conseguir ter uma ideia mais aprofundada do que será a nova época nos clubes do principal escalão português.



SPORT LISBOA E BENFICA

Treinador: Jorge Jesus

Plantel:
GR: Artur, Paulo Lopes
Laterais: Maxi Pereira, André Almeida, Eliseu, Benito
Centrais: Luisão, Lisandro Lopez, Jardel, Sidnei, César
Médios Defensivos/Centro : Fejsa, Enzo Perez, Ruben Amorim
Médios Ofensivos: Talisca, Gaitán, Sulejmani
Extremos: Salvio, Ola John
Avançados / PL: Bebé, Pizzi, Lima, Derley, Nelson Oliveira, Jara


Aspectos positivos:
- Jorge Jesus mantém-se no comando, dando continuidade ao excelente trabalho da época passada
- Apesar das saídas, a equipa continua a ter uma base sustentada por Luisão (defesa), Enzo (meio-campo) e Gaitán (ataque). Estes jogadores são a argamassa que une os novos tijolos da casa Benfiquista
- Eliseu parece encaixar bem no lugar de Siqueira (fui contra a sua contratação mas acho que vou facilmente dar o braço a torcer)
- Há boas soluções em boa quantidade para o ataque
-  Talisca, Derley e Bebé (se não for usado a extremo) podem ser excelentes reforços
- A conquista da Supertaça parece ter atenuado o pesadelo que foi a pré-época
- Bons talentos na equipa B e nos júniores que podem encaixar bem, em caso de necessidade, no plantel

Aspectos negativos:
- As saídas de Garay, Markovic, Siqueira e Oblak. Estes 4 jogadores eram extremamente importantes para a equipa e será difícil a equipa atingir o patamar da temporada passada sem eles
- Muitos dossiers de jogadores por resolver no início do campeonato fazem com que o clube vá entrar no 1º jogo da competição sem provavelmente 2 ou 3 titulares que podem - ou não - resultar de novas contratações
- A pré-época serviu para fazer regressar vários fantasmas. Artur está cheio de macaquinhos na cabeça...
- Os adeptos estão nervosos e pouco motivados para a nova época
- Corropio de jogadores. Há contratações difíceis de entender e que apenas serviram para atrasar a definição do grupo de trabalho para 2014/15
- Cardozo, um dos maiores goleadores da história do clube, abandonou o plantel

SPORTING CLUBE DE PORTUGAL

Treinador: Marco Silva

Plantel:
GR: Rui Patrício, Marcelo Boeck
Laterais: Cedric, André Geraldes, Jefferson, Jonathan Silva
Centrais: Rojo, Maurício, Paulo Oliveira, Rabia, Sarr
Médios Defensivos / Centro: William Carvalho, Oriol Rosell, Adrien, André Martins, João Mário, Slavchev
Médios Ofensivos: Mané, Shikabala
Extremos: Capel, Carrillo, Heldon
Avançados/ PL: Montero, Slimani, Tanaka


Aspetos positivos: 
- Marco Silva é mais uma boa escolha de Bruno de Carvalho
- Forte meio-campo composto por jovens jogadores portugueses
- Jonathan Silva, Paulo Oliveira, Rosell e João Mário são bons reforços do clube. O Sporting provavelmente até fica a ganhar caso Rojo saia. Perde agressividade e perde nas bolas paradas ofensivas mas com Paulo Oliveira ganha inteligência e ganha um jogador mais forte defensivamente que Rojo. João Mário será um suplente de luxo. Jonathan Silva, se comprovar todo o potencial, pode tornar-se num dos melhores laterais do campeonato. Rosell é a alternativa a William que o Sporting não tinha, resta saber como reagirá à provável falta de ritmo de jogo quando entrar para substituir o titular
- A forma como Bruno de Carvalho lidou com os dossiers Rojo e Slimani é provavelmente um exemplo a seguir pelas direcções de todos os clubes
- A pré-época serviu para elevar a moral do grupo e pareceu ter sido bem planeada
- Entusiasmo dos adeptos para a nova época
- Bons talentos na equipa B e nos júniores que podem encaixar bem, em caso de necessidade, no plantel

Aspectos negativos:
- Não se sabe que impacto os casos Rojo e Slimani tiveram no balneário... Mas bom não foi como Marco Silva já relatou
- A prestação defensiva da equipa continuará dependente da forma de William Carvalho. Sem William Carvalho estaria ao nível dum candidato à Liga dos Campeões e não dum candidato ao título. 
- Candidatura ao título, tendo em conta o plantel e a falta de investimento no mesmo, parece ser uma pressão desnecessária a um treinador jovem e com potencial como Marco Silva
- O leque de ponta-de-lanças é curto
- Se Carrillo continuar com o mesmo tipo de prestações e se Mané não for aposta regular, o Sporting arrisca-se a ter um ataque pouco criativo e previsível... A não ser que Marco Silva consiga fazer no Sporting o que conseguiu fazer no Estoril

FUTEBOL CLUBE DO PORTO

Treinador: Julen Lopetegui

Plantel:
GR: Andrés Fernandez, Fabiano, Ricardo, Helton
Laterais: Opare, Danilo, Alex Sandro, José Angel
Centrais: Bruno Martins Indi, Ivan Marcano, Maicon, Diego Reyes
Médios Defensivos/ Centro: Casemiro, Herrera, Evandro, Ruben Neves, Carlos Eduardo
Médios Ofensivos: Brahimi, Oliver Torres, Quintero
Extremos: Cristian Tello, Quaresma, Kelvin, Ricardo, Sami
Avançados/ PL: Jackson Martinez, Adrian Lopez




Aspectos Positivos:
- Forte investimento no futebol trouxe para o clube grandes jogadores como Casemiro, Brahimi, Tello e Oliver Torres
- O clube tem um plantel bastante polivalente com vários jogadores a poderem lutar pela titularidade
- As alas do Porto têm potencial para serem demolidoras
- Jackson mantém-se no plantel até ver. Jackson Martinez é na minha opinião o jogador mais importante do plantel do Porto, sem ele não existe presença na área necessária capaz de desbloquear os jogos mais complicados
- A pré-época foi motivadora e os adeptos estão muito entusiasmados com a época que se avizinha

Aspectos Negativos:
- Lopetegui não conhece a liga, não tem experiência ao nível de clubes e vai ter que resolver problemas com egos resultantes da profundidade do plantel
- As contratações de Indi e Adrian Lopez parecem-me tiros completamente ao lado. Não vejo qualidade neles que justifique tantos milhões
- Sem Fernando a defesa do Porto vai precisar de ser muito bem afinada... É certo que os jogadores à disposição para o ataque permitem um jogo assente na posse de bola e que poucas investidas permitirá ao adversário, mas quando for preciso defender será Casemiro capaz de ser o pronto socorro? 
- O Porto perdeu Otamendi e Mangala... A qualidade dos centrais à disposição para 2014/15 é dúbia
- Chutar Ghilas para canto, tendo em conta as opções ao dispor, é estranho

GRUPO DESPORTIVO ESTORIL PRAIA

Treinador: José Couceiro

Plantel:
GR: Vágner, Kieszek, Rúben Dionísio
Laterais: Alex Kakuba, Anderson Luís, Emídio Rafael, Mano
Centrais: Diego Carlos, Bruno Nascimento, Yohan Tavares, Bruno Miguel, Ruben Fernandes
Médios Defensivos/Centro: Filipe Gonçalves, Diogo Amado, Afonso Taira, Esiti, Diogo Baltazar
Médios Ofensivos: Kuka, Tozé, João Pedro Galvão
Extremos: Babanco, Balboa, Leandro Borges, Fernandinho
Avançados/PL: Arthuro, Sebá, Bruno Lopes, Luiz Phellype, Ricardo Vaz


Aspectos Positivos:
- estabilidade directiva nos últimos anos permitiu ao clube excelentes resultados no campeonato;
- pré-época positiva reforça a confiança do grupo após duas épocas no top 5 da classificação;
- José Couceiro é um treinador experiente e que fez um bom trabalho no Setúbal, podendo ser garantia de apostar em jogadores jovens como Kakuba, Kuka (grande época no Chaves), Tozé, Esiti, Baltazar ou Ricardo Vaz;
- Inédito apuramento directo para a fase de grupos da Liga Europa;
- Soluções fortes para a baliza. Vágner e Kieszek prometem luta acesa pela titularidade
- Sebá continua no plantel e promete ser a estrela da equipa

Aspectos Negativos:
- Saíram Evandro, Gonçalo Santos e Carlitos, jogadores fundamentais nas duas épocas anteriores e não me parece, para já, que as alternativas estejam à altura;
- Plantel bastante jovem, o que poderá pesar quando for preciso rodar a equipa graças ao envolvimento em 4 competições;
- possível pressão para Couceiro alcançar os lugares europeus conseguidos com Marco Silva

 CLUBE DESPORTIVO NACIONAL

Treinador: Manuel Machado

Plantel:
GR: Gottardi, Kevin Sousa, Rui Silva
Laterais: Marçal, Zainadine, Nuno Campos, Nuno Sequeira, Aly Fathy
Centrais: Miguel Rodrigues, Ezzat, Rui Correia, Rony Santos
Médios Defensivos/Centro: João Aurélio, Ghazal, Sebastian Ayala, Boubacar Fofana, Edgar Abreu
Médios Ofensivos: Gomaa, William Mimbela, Skolnik, Willyan
Extremos: Marco Matias, Reginaldo, João Camacho
Avançados/PL: Rondón, Lucas João, Suk


Aspectos Positivos:
- Manuel Machado. A começar a sua 6ª época no clube (3ª consecutiva), Machado está perfeitamente identificado com o clube e sabe gerir as suas expectativas;
- Saídas de Candeias e Djaniny parecem ter sido bem resolvidas com as contratações de Marco Matias e Suk, são reforços que conhecem a liga portuguesa e virão acrescentar qualidade ao plantel;
- É das poucas equipas no campeonato português que não joga no chamado ferrolho: há preocupação de jogar bom futebol;
- apuramento para o playoff da Liga Europa, à frente do eterno rival Marítimo, dará certamente confiança aos adeptos
- Ali Ghazal mantém-se no plantel e promete ser a grande estrela da equipa
- Willyan, depois de uma grande época no Beira-Mar, chega à 1ª divisão e logo para jogar num candidato à Europa. Há muita expectativa para perceber o que este nº10 pode valer ao mais alto nível

Aspectos Negativos:
- Falta de alternativa credível a Gottardi poderá levar o brasileiro a ter exibições menos conseguidas na baliza;
- Não há um central experiente na equipa, o que poderá ser fatal para quem tem ambições europeias;
- Possível falhanço no apuramento para a fase de grupos da Liga Europa poderá afectar a moral da equipa;

CLUB SPORT MARÍTIMO

Treinador: Leonel Pontes

Plantel:
GR: Salin, José Sá, Wellington
Laterais: João Diogo, Briguel, Luís Olim, Ruben Ferreira
Centrais: Gegé, Bauer, Ramsteijn
Médios Defensivos/Centro: Danilo, Theo Weeks, Bruno Gallo, Fernando Ferreira, Fransérgio
Médios Ofensivos: Felix Micolta, Mohamed Ibrahim, Alex Soares
Extremos: Edgar Costa, Kukula, André Ferreira
Avançados/PL: Maazou, Ebinho, Dyego Sousa



Aspectos Positivos:
- Aposta num treinador jovem e com vontade de mostrar serviço;
- Danilo, Weeks, Alex Soares: o meio-campo do Marítimo é, à partida, o sector mais forte da equipa, muito da época do clube dependerá da manutenção destes 3 do plantel;
- Maazou é um poço de força e será um bom concorrente de Dyego

Aspectos Negativos:
- Defesa muito permeável na época anterior só conta com um reforço, o holandês Ramsteijn. Saudades de Van der Gaag?
- Saídas de Nuno Rocha, Danilo Dias, Derley, Artur, Sami e Heldon(em Janeiro) : só Maazou não chegará para as aspirações europeias do Marítimo;
- Modo sitcom que se costuma instalar em Salin em jogos importantes

VITÓRIA FUTEBOL CLUBE

Treinador: Domingos Paciência

Plantel:
GR: Raeder, Ricardo Batista, Miguel Lázaro
Laterais: Hélder Cabral, Pedro Queirós, Fábio Pala, Kiko, Jordão Diogo, Miguel Lourenço,  Frederico Venâncio, Luis Advíncula
Centrais: Cohene, François, Marcos Vinicius
Médios Defensivos/Centro: Ney Santos, Dani Soares, Ericson, João Schmidt, Paulo Tavares, Tiago Terroso, Wilder Cartagena, Yann Rollim
Médios Ofensivos: Diogo Rosado, Miguel Pedro, Dimitrios Pelkas, João Costa
Extremos: Manú, Júnior Ponce
Avançados/PL: Lupeta, Zequinha, Forbes, Diego Maurício, Giovani Rosa



Aspectos Positivos:
- 7º lugar do campeonato anterior pode ser um bom ponto de partida para a nova época;
- Domingos é menos experiente que Couceiro mas quer voltar a demonstrar bons resultados, após passagens menos felizes pelo Sporting, Corunha e Kayserispor;
- O clube parece passar por momentos calmos, após várias épocas com salários em atraso
- Manú, depois de passagens pela Polónia, China e Chipre, regressa à Liga Portuguesa.

Aspectos Negativos:
- Adeptos e sócios do Setúbal estão completamente desligados do clube, é frequente ver o Bonfim às moscas;
- Plantel dá ideia de ser inexperiente e apenas uma vitória em sete jogos na pré-época não dá boas indicações;
- Perda de Rafael Martins, Ricardo Horta e Pedro Tiba. A equipa sofre no miolo e no ataque
- Cohene, Miguel Pedro, Diogo Rosado e Zequinha são jogadores de qualidade mas muito temperamentais, factor que poderá prejudicar o balneário
- A contratação de Diego Maurício, avançado com nome no Brasil e que chegou a ser uma das principais promessas do Flamengo, não promete nada de bom. No Sport Recife festejaram a sua venda. Jogador molengão, pesado e que gosta muito da noite...

ASSOCIAÇÃO ACADÉMICA DE COIMBRA

Treinador: Paulo Sérgio

Plantel:
GR: Cristiano, Fábio Santos, Lee Oliveira
Laterais: Lino, Oualembo, Aderlan Silva, Ofori
Centrais: João Real, Ricardo Nascimento, Iago Santos, Aníbal Capela
Médios Defensivos/Centro: Obiorah, John Ogu, Jimmy, Marcos Paulo, Nuno Piloto, Fernando Alexandre, Lucas Mineiro
Médios Ofensivos: Rui Pedro
Extremos: Ivanildo, Marinho, Hugo Seco, Pedro Nuno
Avançados/PL: Magique, Rafael Lopes, Schumacher, Olascuaga


Aspectos Positivos:
- Pré-época mostrou alguma solidez defensiva (derrotas e golos sofridos apenas contra Porto e Braga);
- O clube está a consolidar-se no campeonato principal, após constantes subidas e descidas de divisão;
- Regresso de Lino com 37 anos, mas mais vale tarde do que nunca. No ano passado ainda era titular no PAOK
- Paulo Sérgio é um treinador bastante competente
- Rui Pedro, médio ofensivo responsável por um hat-trick ao Braga no Cluj 3-1 Braga da Liga dos Campeões 2012/13, regressa a Portugal pela mão de Paulo Sérgio, treinador que já o tinha treinado nesse clube. Rui Pedro foi internacional sub-21 por Portugal e com a experiência internacional que adquiriu no Cluj promete ser um reforço de peso
- Fernando Alexandre, melhor jogador do mundo, continua na Académica

Aspectos Negativos:
- Ricardo e Peiser deixaram o clube e a baliza terá um guarda-redes inexperiente;
- Desde João Tomás que não há um verdadeiro goleador em Coimbra e isso custa caro em jogos contra equipas do mesmo nível. Será Rafael Lopes capaz de se afirmar definitivamente?
- A qualidade dos extremos deixa muito a desejar

SPORTING CLUBE DE BRAGA

Treinador: Sérgio Conceição

Plantel:
GR: Kritciuk, Vitor Golas, Matheus
Laterais: Djavan, Tiago Gomes, Baiano, Marcelo Goiano
Centrais: Sasso, Wallace, André Pinto, Aderlan Santos
Médios Defensivos/Centro: Luiz Carlos, Custódio, Mauro, Danilo, Pedro Tiba
Médios Ofensivos: Rafa, Ruben Micael
Extremos: Alan, Salvador Agra, Pardo, Pedro Santos
Avançados/PL: Éder, Zé Luís, Franco Acosta


Aspectos Positivos:
- Sérgio Conceição é uma lufada de ar fresco num clube que terminou em oitavo lugar na época passada;
- Investimento forte no plantel com as contratações dos jovens brasileiros Matheus, Wallace e Danilo, para tentar recuperar os lugares europeus, perdidos nas últimas épocas para Paços de Ferreira, Estoril e Nacional;
- Os preços dos lugares anuais são chamativos para uma massa adepta que teve uma época passada de pesadelos
- Se Rafa, Éder e Aderlan Santos não saírem, o Braga fica com um plantel bastante mais forte do que o dos principais opositores na corrida aos lugares europeus

Aspectos Negativos:
- Ruben Micael é sempre algo negativo, esteja ele onde estiver;
- Meio-campo defensivo poderá ser o tendão de Aquiles da equipa, Custódio está em fase descendente, Mauro e Luiz Carlos fizeram uma época anterior patética e Danilo terá primeira experiência europeia;
- Éder continua a ter lesões atrás de lesões e tarda em afirmar-se de vez na equipa. Sem Éder, não há mais nenhum finalizador no plantel

VITÓRIA SPORT CLUBE

Treinador: Rui Vitória

Plantel:
GR: Douglas, Assis
Laterais: João Amorim, Pedro Correia, Alvin Arrondel, Adama Traoré, Luís Rocha
Centrais: Moreno, João Afonso, Rodrigo Defendi, Josué
Médios Defensivos/Centro: André André, Cafú, Bouba Saré, Bernard Mensah
Médios Ofensivos: Crivellaro, Bruno Alves
Extremos: Nii Plange, Gui, David Caiado, Benjamin Balazs, Alex
Avançados/PL: Knezevic, Ricardo Gomes, Tomané, Rui Areias



Aspectos Positivos:
- Rui Vitória começa a 4ª época em Guimarães e vai conseguindo bons resultados com o pouco de que dispõe;
- forte apoio, como sempre, dos vimaranenses, sempre ao lado da sua equipa nos bons e maus momentos;
- Forte interacção entre equipa principal e equipa B (que conseguiu regresso à 2ª divisão). Rui Vitória não tem medo de apostar nos jovens portugueses e jogadores como Tomané, Alex, João Amorim e Josué poderão ser protagonistas pela positiva na nova época

Aspectos Negativos:
- Falta qualidade ao plantel para lutar por algo mais do que o meio da tabela;
- Mais uma época em que vamos ter que levar com o Moreno no campeonato português. Para quando um passeio pelo Chipre?
- Perder Ramon Cardozo para o Moreirense é escandaloso num clube com a dimensão do Vitória
- Com a saída de André Santos a equipa fica com muito poucas soluções para o miolo, ainda por cima tendo em conta a preferência do treinador pelo 4-3-3

RIO AVE FUTEBOL CLUBE

Treinador: Pedro Martins

Plantel:
GR: Cássio, Éderson
Laterais: Tiago Pinto, Lionn, Nuno Lopes, Nélson Monte
Centrais: Prince, Marcelo, Roderick, Silvério
Médios Defensivos/Centro: André Villas Boas, Tarantini, Luís Gustavo, Pedro Moreira, Júlio Alves, Jony Ñiguez, Zeegelaar, Sunday Abalo, Wakaso
Médios Ofensivos: Diego Lopes, Renan Bressan
Extremos: Ukra, Del Valle
Avançados/PL: Esmael Gonçalves, Hassan, Jebour, Boateng



Aspectos Positivos:
- a equipa respira confiança após uma época com duas finais e o apuramento para a 3ª pré-eliminatória da Liga Europa (entretanto já apurada para o playoff);
- contratações de Cássio, Prince e principalmente Renan Bressan vêm acrescentar qualidade e experiência ao plantel;
- Pedro Martins é um treinador com qualidade, que poderá pegar no bom trabalho desenvolvido por Nuno Espírito Santo e dar continuidade às épocas tranquilas

Aspectos Negativos:
- Vários dossiers por fechar: Filipe Augusto, Marcelo, Ukra
- Se Marcelo sair e sem Rodriguez esta defesa vai abanar por todos os lados
- A época arrancou bem cedo para os vila-condendes, o que poderá ser fatal no último terço do campeonato;
- Apenas duas vitórias em casa na época passada: pressão dos adeptos? Vento? O relvado não ajuda? O Rio Ave tem que aprender a ganhar em casa

FUTEBOL CLUBE DE AROUCA

Treinador: Pedro Emanuel

Plantel:
GR: Goicoechea, Rui Sacramento, Igor Rocha
Laterais: Ivan Balliu, Luís Tinoco, Tomás Dabó, Miguel Oliveira, Nelsinho
Centrais: Diego Galo, Ustaritz
Médios Defensivos/Centro: Nuno Coelho, Bruno Amaro, David Simão, Rui Sampaio, Nildo Petrolina
Médios Ofensivos: Artur
Extremos: Pintassilgo, Serginho, Lucas Colitto, André Claro
Avançados/PL: Diogo Ramos, Diallo, Tucka, Hugo Monteiro



Aspectos Positivos:
- A manutenção alcançada na época anterior é um grande feito que lança boas bases para a nova época
- Aposta em reforços experientes como Nildo Petrolina e Artur;
- Cássio saiu mas o clube não perdeu tempo e foi buscar o uruguaio Goicoechea que até já foi titular na Roma
- Pintassilgo + 10: o extremo será o principal desequilibrador da equipa. É uma delícia vê-lo jogar

Aspectos Negativos:
- Carência de centrais de raiz: apenas dois mais o adaptado Nuno Coelho;
- Roberto e Lassad deixaram o clube ficando a equipa órfã de uma referência de área. Diallo e Diogo Ramos não me parecem ser substitutos à altura
- Serginho, extremo importante na época passada, lesionou-se e só estará disponível a partir de Janeiro

GIL VICENTE FUTEBOL CLUBE

Treinador: João de Deus

Plantel:
GR: Adriano Facchini, Caleb, Ivan Cruz
Laterais: Gabriel, Luis Martins, Evaldo
Centrais: Gladstone, Pecks, Inácio
Médios Defensivos/Centro: Luan Scapolan, Alphousseyni Keita, Hossam Hassan, Luís Silva, Leandro Pimenta, Vitor Gonçalves, João Vilela, Cesar Peixoto
Médios Ofensivos: Caetano
Extremos: Diogo Viana, Avto, Diogo Valente
Avançados/ PL: Simy, Paulinho, Goba Zakpa, Marwan Mohsen


Aspectos Positivos:
- Manutenção do treinador, identificado com o clube, com grande apoio do presidente
- Manutenção da espinha dorsal da equipa do ano passado.
- Um guarda redes que garante pontos.
- Diogo Valente, pela experiência acumulada na primeira liga é um reforço que não dá lugar a desconfianças. É o que todos sabem para o bem e para o mal. O Gil tem um bom leque de extremos ao seu dispor

Aspectos Negativos:
- Cesar Peixoto e João Vilela, os jogadores mais inteligentes do plantel, têm mais um ano nas pernas e a idade começa a prejudicar o rendimento dos mesmos.
- Ao momento a defesa carece de reforços. Apenas 2 centrais e um júnior para a posição é curto para uma época tão longa
- Os reforços egipcios prometem como sempre prometem os reforços africanos. Contudo, os problemas de indisciplina e rebeldia táctica destes jogadores poderão ser um problema para um clube que luta ponto a ponto

CLUBE DE FUTEBOL OS BELENENSES

Treinador: Lito Vidigal

Plantel:
GR: Matt Jones, Rafael Veloso, Filipe Mendes
Laterais: André Teixeira, Filipe Ferreira, Daniel Martins
Centrais: Gonçalo Brandão, João Meira, Palmeira, João Afonso
Médios Defensivos/Centro: Bruno China, Pelé, Tiago Silva, Danielsson, Ricardo Alves
Médios Ofensivos: Miguel Rosa, Rodrigo Dantas
Extremos: Fábio Nunes, Fredy, Adilson
Avançados/PL: Sturgeon, Tiago Caeiro, Mailó, Deyverson, Abel Camará



Aspectos Positivos:
- A chegada de Lito Vidigal a meio da época passada veio dar a manutenção. O técnico começa em alta
- 76% do plantel é constituído por portugueses, contrariando um pouco o resto das equipas do campeonato;
- Abel Camara, Adilson, Mailó e Fábio Nunes podem ser reforços importantes no ataque

Aspectos Negativos:
- Dificilmente o Belém terá um campeonato tranquilo, a luta pela manutenção irá durar até ao fim;
- Defesa com jogadores de pouca qualidade. Só Gonçalo Brandão escapa. Matt Jones não defende tudo...
- A contratação de Abel Camara não caiu bem no seio dos adeptos do Belenenses. Em 2011, quando o jogador saiu para o Beira-Mar, houve problemas entre a Fúria Azul e o jogador. Conta-se que o jogador até chegou a levar amigos com armas de fogo para intimidar elementos da claque. Teremos nova telenovela?
- A dependência de Miguel Rosa continuará este ano? Será Miguel Rosa capaz de regressar às boas épocas?

FUTEBOL CLUBE PAÇOS DE FERREIRA

Treinador: Paulo Fonseca

Plantel:
GR: Rafael Defendi, António Filipe, Marco, Paulo Freitas
Laterais: Hélder Lopes, Bruno Duarte, Samú, Luís Sousa, Jaílson, Nélson Pedroso, Rodrigo Galo
Centrais: Rafael Amorim, Ricardo, Flávio Boaventura, Ricardo Ferreira
Médios Defensivos/Centro: Romeu Rocha, Seri, Filipe Anuciação, Valkenedy, Sérgio Oliveira
Médios Ofensivos: Ruben Ribeiro, Vasco Rocha, Andrezinho, Diogo Jota
Extremos: Manuel José, Hurtado, Duarte Duarte, Minhoca
Avançados/PL: Bruno Moreira, Cícero, Barnes Osei



Aspectos Positivos:
- O regresso de Paulo Fonseca, obreiro do histórico 3º lugar de há duas épocas, pode ser um catalisador num plantel que só na liguilha conseguiu a manutenção na primeira liga;
- A equipa voltará a jogar sem pressão, o que poderá permitir um campeonato mais tranquilo;
- Regresso de Cícero fará provavelmente regressar o tridente ofensivo de há duas épocas (Manuel José, Hurtado, Cícero)
- Degra deixou o clube, um dos piores guarda-redes que já vi jogar em Portugal

Aspectos Negativos:
- Centro da defesa não dá garantias de tranquilidade;
- Bébé e Del Valle, dois dos principais salvadores da equipa, saíram do clube;
- Hurtado: será que o peruano vai voltar à boa forma ou ter um desempenho péssimo como na época anterior?

MOREIRENSE FUTEBOL CLUBE

Treinador: Miguel Leal

Plantel:
GR: Ricardo Ribeiro, Gideão, Marafona, André Ferreira
Laterais: Elízio, Paulinho, André Marques
Centrais: Danielson, Anilton Junior, Stephane Madeira, Marcelo Oliveira
Médios Defensivos/Centro: Luís Aurélio, André Simões, Filipe Melo
Médios Ofensivos: Jorge Monteiro, Diogo Cunha
Extremos: João Pedro, Pedro Coronas, Gerso, Arsénio, Rafa Costa
Avançados/PL: Ramon Cardozo, Bolívia, Alex Gonçalves



Aspectos Positivos:
- Miguel Leal fez um trabalho muito bom com o Penafiel na época passada. 4-3-3 a previligiar a segurança nas transições ofensivas. Jogadores bem posicionados e com grande espírito de entreajuda.
- Roubar Ramón Cardozo ao rival de Guimarães é obra
- A base da equipa mantém-se (com destaque para o tridente de meio campo) e os novos lugares serão ocupados por jogadores experientes (Danielson, Marcelo Oliveira, João Pedro e Bolívia)
- Apesar de existir pressão para a equipa atingir a manutenção, este plantel e este treinador parecem ser capazes de atingir o objectivo tranquilamente

Aspectos Negativos:
- Danielson não fez uma boa época no Gil Vicente. Será que com Miguel Leal regressa à boa forma?
- A forma como Vitor Oliveira, principal obreiro da subida e especialista em subidas de divisão, saiu do clube, ainda está por explicar.
- Pires, goleador da equipa com 22 golos na época passada, preferiu ir jogar para o Benfica de Luanda ao invés de terminar a carreira na 1ª Divisão. O dinheiro infelizmente falou mais alto


FUTEBOL CLUBE DE PENAFIEL

Treinador: Ricardo Chéu

Plantel:
GR: Júlio Coelho, Tiago Rocha
Laterais: Tony, Dani Coelho, Paulo Grilo, Nélson Lenho
Centrais: Pedro Ribeiro, Bura, Henrique, João Pedro
Médios Defensivos/Centro: Hélder Ferreira, João Martins, Capela, André Fontes, Rafa Sousa, Romeu Ribeiro
Extremos: Baldé, Mbala, Bruninho, Vítor Bruno
Avançados/PL: Rabiola, Rui Miguel, Guedes


Aspectos Positivos:
- É o plantel mais português de todo o campeonato. Para além de Português é um plantel jovem cheio de rapazes a querer provar que merecem jogar ao mais alto nível
- Vitor Bruno, Aldair e Guedes merecem especial atenção. Genica não falta, cá estaremos para comprovar a objectividade ou falta dela.
- Aposta num treinador jovem de 33 anos que na época passada pegou num arrasado Académico de Viseu e que conseguiu a manutenção após três meses (Janeiro, Fevereiro e Março) quase sempre a vencer. Notável
- Clube gerido com responsabilidade. Não houve aventuras no regresso à 1ª divisão. A realidade é esta e ponto final

Aspectos Negativos:
- Plantel sem experiência pode acusar a pressão de ter que lutar até à última pelo ponto
- O clube não tem meios para investir
- Falta qualidade para atingir patamares competitivos de 1º escalão

BOAVISTA FUTEBOL CLUBE

Treinador: Petit

Plantel:
GR: Mika, Molinor, Mamadou Ba
Laterais: Brayan Beckeles, João Dias, Pedro Costa, Afonso Figueiredo, Anderson Correia
Centrais: Philipe Sampaio, Carlos Santos, Fábio Ervões, Lucas Silva
Médios Defensivos/Centro: Tengarrinha, Carraça, Diego Lima, Anderson Carvalho, Miguel Cid, Idris, Diogo Gouveia, Ancelmo Júnior
Extremos: Brito, Zé Manuel, Julian Montenegro, Lamine Ly
 Avançados/PL: Fary, Pouga, Shihao


Aspectos Positivos:
- Equipa com alguns jogadores com experiência de primeira liga (Tengarrinha, Mika, Brito, Fary, Pouga);
- Petit, Jorge Couto, Alfredo, Fary e Frechaut são presenças importantes no balneário nesta nova realidade do clube
- Brayan Beckeles, lateral direito e central titular da selecção hondurenha no último Mundial, é um panini a seguir com atenção
- Jogar no Bessa em sintético pode ser factor positivo para a equipa

Aspectos Negativos:
- Graças ao triste estado do futebol português, esta subida meteórica do Boavista à primeira divisão poderá ser um tiro no pé na recuperação que estava a ser feita gradualmente no clube;
- Apenas 84 sócios na última assembleia geral: são poucos os que acreditam num Boavistão para breve
- Os últimos testes da pré-época não auguram nada de bom. Perder 3-1 com o Sporting B e 3-0 com o Famalicão não é bom sinal
- Principal candidato à descida. Pressão será enorme e só com um trabalho genial Petit conseguirá manter-se no principal escalão.
- Falta qualidade em todos os sectores
- João Loureiro é um péssimo dirigente