terça-feira, 2 de setembro de 2014

Agosto Liga Portuguesa 2014/15

Qual é que é o melhor dia p'ra casar
Sem sofrer nenhum desgosto?
O 31 de Julho porque depois entr'Agosto
                                                               Mestre Quim - mas o cantor, não o guarda-redes


Ficou Enzo. Ficou Jackson. Ficou William. Ficou Fernando Alexandre. Sob o olhar atento de Deus, uma data de casamentos aconteceram em Agosto sem escutar as sábias palavras de Joaquim O Barreiros. Sem ironias, curto e grosso: a Liga Portuguesa é neste momento um dos campeonatos mais fortes do mundo. Bons técnicos que com pouco fazem muito. Bons espectáculos de futebol dentro das 4 linhas, infelizmente não correspondidos fora devido às assistências fraquinhas. Bons executantes. Boa competitividade na luta pelo campeonato, Europa e manutenção. Preços cada vez mais apelativos - a não ser que sejam adeptos de um clube grande. Estão reunidas todas as condições para continuarmos a coleccionar boas memórias, bons paninis, bons momentos com os nossos amigos e para continuarmos a celebrar o espectáculo no nosso jardim da Europa à beira-mar plantado. Gostemos então deste campeonato. Decoremos 11's iniciais. Não falhemos no clube da terra. Abençoemos a Sagres, a Superbock, a Coral, o medronho e a jeropiga. Ergamos a bifana, o courato e o cachorro. Não pontapeemos o gato, o cão ou qualquer outro animal na hora de celebrar o golo... Nem a sogra.

A luta pelo campeonato promete ser interessante. Começando por destacar o Porto, Lopetegui parece-me que vem por bem, parece-me que vem acrescentar qualidade à nossa liga. É um treinador que previligia a rotação no plantel e que tem plantel para isso. Já todos percebemos que Brahimi é um reforço brutal e que Oliver Torres, Tello e Ruben Neves são jovens de grande potencial. Jackson ficou e é o elemento de que o Porto necessita para materializar toda a posse de bola que a equipa gera. O ponto fraco do Porto, mesmo apesar dos 0 golos sofridos em 3 jogos, parece-me claramente ser o centro da defesa. Poderá o Porto perder o título pela falta de qualidade neste sector?

No Benfica a principal notícia é a permanência de Enzo no plantel. É essa a grande contratação aos olhos de todos os benfiquistas. Aos meus olhos há mais que isto. Tenho criticado Luís Filipe Vieira ao longo dos anos e sempre fui dizendo a amigos meus que não acreditava em certas promessas dele. Dizia aos meus amigos "Em Setembro falamos". Pois bem, cá estamos em Setembro e cá estou eu para falar das 2 grandes vitórias de Vieira. A primeira é a manutenção de Jorge Jesus no comando técnico da equipa. Esta aposta na estabilidade é algo que me orgulha imenso enquanto benfiquista. Olhem para o Man Utd sem Ferguson. Como seria o Benfica 2014/15 sem Jesus? Impossível não dar valor à permanência do principal obreiro de todo este Benfica. A 2ª vitória é a manutenção da base da equipa que nos deu os títulos no ano passado. Sim, a base continua cá: Luisão e Maxi, Fejsa e Enzo, Gaitan, Salvio e Lima. Fez-se dinheiro com vendas e conseguiu-se mesmo assim não desmembrar totalmente o 11 inicial, algo que permite às novas contratações maior conforto na hora da integração. Seria possível criticar a não contratação de um ponta de lança ou de mais um defesa central mas sinceramente não alinho por esse diapasão. Derley é um bom avançado e ou se contratava alguém que pudesse de facto fazer a diferença (num investimento de vários milhões) ou então não valia a pena contratar só porque sim. Não conseguindo Abel Hernandez ou Campbell há que rentabilizar Derley e Nelson Oliveira. Não há drama nestes dossiers. O plantel está fechado e é forte o suficiente para lutar pelo título ou para pelo menos aguentar na luta até Janeiro, altura em que se pode novamente ir ao mercado para conseguir o bocadinho que falta para se ser campeão.

O Sporting conseguiu fazer regressar a casa um jogador de classe mundial. Nani é a contratação mais sonante de todo o campeonato. A equipa do Sporting está bastante forte do meio-campo para a frente mas apresenta uma defesa que não tem nível para jogar na Champions ou para discutir um campeonato nacional. Se Marco Silva fizer evoluir esta defesa, na minha opinião, é um herói e um génio. Mas há esperança em Alvalade. Primeiro que tudo porque William não foi vendido, em segundo lugar porque há Paulo Oliveira e em terceiro porque ainda poderemos observar Rabia. Paulo Oliveira é o melhor central do Sporting e não deve demorar muito tempo até Marco Silva perceber isso. Rabia é uma incógnita mas vem com melhor cotação que Maurício ou Sarr. O Sporting foi, na minha opinião, dos 3 grandes, o clube que menos futebol apresentou neste início de época. Dentro de duas jornadas recebe o Porto e esse jogo pode ditar muito do futuro do clube neste campeonato. Será Marco Silva capaz de perceber rapidamente as operações necessárias para afinar esta defesa a tempo de não perder o campeonato antes de Janeiro? Cá estaremos para ver.



11 comentários:

  1. "Ficou Enzo. Ficou Jackson. Ficou William. Ficou Fernando Alexandre." <3

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. sabes bem que adoras o Fernando Alexandre! Por falar nisso em breve vou dar destaque ao resto das equipas... Já tou com um bocado de mais tempo livre

      Eliminar
    2. Finalmente Bujas!!!

      Eliminar
  2. Epá, quando o plano do campeão nacional é tentar aguentar na luta até Janeiro e depois logo se vê, já devia dar uma ideia de que as coisas não foram assim tão bem feitas.

    E 7 meses depois da venda do Rodrigo (mais o Cardozo o mês passado), justificam-se por não se conseguir Hernandez/Campbell nos últimos 15 dias? É que contratações "só porque sim" foi o que não faltou este defeso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Calma aí chefe que eu não disse que esse era o plano. Eu disse que este plantel parece-me suficiente para aguentar na luta até Janeiro. Pode até não ser mas tendo em conta o que se viu de Porto, Benfica e Sporting, acho que não deve haver muita gente convencida do contrário.

      Quanto ao dossier do ponta de lança discordo completamente contigo. Conheço bastante bem o Abel Hernandez e o Joel Campbell conheço-o mais do que vi na Costa Rica do que ao serviço de clubes. Abel Hernandez não é nem de perto nem de longe o avançado goleador capaz de fazer esquecer Rodrigo. É um jogador forte na desmarcação, que aproveita bem o espaço e que finaliza bem, ao contrário do Rodrigo que "descobria" espaço, que adorava o 1 contra 1 e que estava habituado a ser o avançado mais recuado. Mesmo assim, mesmo não achando o rapaz uma boa contratação, foi ele quem rejeitou o Benfica e não o Benfica que o rejeitou a ele. E rejeitou o Benfica para ir jogar na merda do Hull City... Acho que está tudo dito sobre a cabeça do pobre rapaz. São escolhas. O Hleb fez uma escolha parecida e depois foi giro ver o resto da carreira dele.
      Quanto ao Joel Campbell toda a gente sabe que a sua vinda estava mais dependente das contratações do Arsenal e da vontade do Wenger do que da capacidade do Benfica para o ter. Não veio, não há drama. Está na hora do Jesus fazer com o Derley, Jara (não acredito muito) e com o Nelson Oliveira o que já fez com outros avançados. Alem do mais ora pensa lá um bocadinho comigo: o Benfica contratou 2 médios nas últimas semanas de mercado. Se Jesus fizer em 2014/15 o que fez nas últimas 2 épocas achas descabido o Benfica começar a jogar em 4-3-3? Ou sei que o homem tem um fetiche por jogar com 2 avançados mas neste momento este plantel parece talhado para 4-3-3 e nas últimas épocas vimos o Jesus mais preocupado em adaptar a táctica às características dos jogadores do que a adaptar jogadores à sua táctica como nos primeiros 3 anos de clube. Resumindo e concluindo, não vejo drama nenhum em não ter vindo nenhum avançado. Na minha cabeça o principal drama sempre foi a permanência ou a saída de Enzo Perez.

      Cumprimentos, Miguel, e obrigado pelo teu comentário

      Eliminar
    2. Este comentário do Bujas deveria fazer parte do corpo principal do artigo...

      Quanto ao resto do post, tem a qualidade a que já nos habituámos.
      Venham mais.

      Eliminar
  3. Parece-me que o sucesso do Sporting depende da capacidade de adicionar ao meio-campo o joão mário. O andré martins não tem acrescentado valor ao futebol do sporting!!

    O FCP este ano (para infelicidade nossa) tem um treinador com um QI elevado (encostar quaresma é meio caminho andado para o sucesso) e creio que vai passear na liga portuguesa..

    Vi a supertaça do grande campeão e acho que podemos ambicionar coisas bonitas este ano, confio no jesus e creio que terá capacidade de potencializar os novos miudos para o meio campo, bem como um avançado que faça companhia ao Lima. Se bem que se Lima encarreirar vai ser uma festa de golos!

    ResponderEliminar
  4. Bem Mr Bujas,devo dizer que mais uma vez fizeste um grande post,parabens.
    Daquilo que tenho visto dos tres grandes salta sem duvida á vista o bom plantel do porto,mas aqui vejo dificuldades para o porto,apesar do problema da defesa tambem vejo que o porto é um conjunto de bons jogadores jovens e com grande pontecial mas nao uma equipa,lopetegui terá trabalho e terá que fazer daquilo uma equipa,tem bases para isso,terá tempo???Nao sei,duvido.
    Relativamente ao benfica devo dizer que ate ao fecho do mercado fiquei na duvida e acho que foi por um pentelho que enzo tenha ficado,se sai,o benfica tinha problemas graves,no entanto ficou e com samaris e cristante poderá ter algo a dizer,ponto mais franco??Como no caso do porto,o do benfica é o mesmo a defesa,luisao e jardel nao dão garantias para uma epoca longa e desgastante,nao me parece que cesar possa ser ja a referencia que tanto queriam,garay era um grande central e nao é facil arranjar um bom central,ate pq muitas vezes nem caro se arranja bom.
    Relativamente ao sporting,acho que do tres grande foi aquele que melhor se reforçou,manteve a estrutura do ano passado tirando o caso rojo,que diga-se na minha optica nunca foi uma mais valia,nao desgosto dele como jogador,mas teria que ser na esquerda e nao no centro.
    A equipa esta bem,nao fez grande jogo na luz mas mostrou consistencia aqui e ali,tirando alguns lances menos conseguidos fruto da inexperiencia,devo dizer que o saldo tem sido positivo,aqui tambem se cifra o problema do sporting,a defesa e o sector mais fraco,se bem que gostei de Nabi Sarr,parece ter potencial e cheira-me,mas cheira-me so um bocadinho que o lyon nao tem la melhor.
    Caricato hein, os 3 grandes falharam todos onde se começa a construir uma aquipa,pela defesa,uma beleza pois claro esta.
    Nani,bem o que dizer de Nani,grande contractaçao???sim pode-se dizer que sim,pode dar muito ao sporting???pode,tem pontecial para isso,e cabeça terá???,acho que nao infelizmente,e digo isto pq,pq nenhum jogador profissional tem tudo e perde tudo em 3 anos,isso é falta de cabeça,nani nao teve grandes lesoes e nao é jogador para viver na sombra de kagawa e muito menos de valencia e isso aconteceu,tendo tido 3 treinadores e todos eles o preteriram por kagawa e valencia,algo se passa.
    Aqui pode relançar a carreira,aqui joga com adversarios menos cotados e tem a liga dos campeoes como aliciante mas ja vi e muita gente ja viu que cerebro nao é o forte de nani.

    ResponderEliminar