terça-feira, 24 de junho de 2014

MUNDIAL 2014 - Grupo H 2ª Jornada


GRUPO H - 2ª Jornada

Bélgica 1-0 Rússia - Marc Wilmots, antigo colega de Preud'Homme na mítica Bélgica 94, é esperto. Lê este blog e percebeu que há que cortar o mal pela raíz, ou seja, tirar do onze todos os meninos do Tottenham! Não poupou nenhum cepo e deu a titularidade ao Fellaini, Mertens e Vermaelen. Para dizer a verdade, a Bélgica não melhorou grande coisa desde o jogo com a Argélia e, tal como nesse jogo, voltou a decidir tudo na recta final da partida. Curioso o facto de ambos os treinadores terem mexido nas mesmas posições do 11: laterais (Kozlov/Vermaelen), médios centro (Faizulin/Fellaini) e extremos (Kannunikov/Mertens). Depois de uma hora enfadonha de futebol, foi Wilmots quem percebeu mais cedo que era urgente mexer na frente de ataque, ao contrário de Capello, que tardou em mexer enquanto a Rússia caía a pique fisicamente. Foi Origi, que tinha substituído Lukaku a meio da 2ª parte, que aproveitou para finalizar uma das várias oportunidades que a Bélgica teve no quarto de hora final, graças ao declínio da condição física dos russos. Valeu pelo final este jogo. 

Argélia 4-2 Coreia do Sul - Bem, eu não sou especialista em futebol coreano nem pouco mais ou menos, mas será que não havia lá na terrinha melhores centrais? Pelo menos centrais que soubessem falar coreano e que dissessem "olha, a esta bola vou eu, tu ficas aí para não escavarmos um buraco". Esta dupla Jeong-Ho (suplente do Augsburgo) e Young-Gwon (pela minha pesquisa também não é titular no Guangzhou Evergrande) é hedionda. Já vi jogos do Pohang Steelers na Liga dos Campeões Asiáticos e não me pareceram assim tão patetas quanto estes defesas da selecção (estão nos 4ºs de Final da competição e tudo!). Mas também, contra o Slimani era preciso chamar o Thuram e o Cannavaro para travarem esta força da natureza. E que dizer do Halliche que escreveu o seu nome na história com uma cabeçada imparável para o 2-0? Bem, apesar da enxurrada de erros defensivos e de ataques inconsequentes dos coreanos, esta Argélia é uma agradável surpresa na competição. Pelo que fizeram contra a Bélgica e pelo que fizeram neste jogo merecem sem dúvida a qualificação. O jogo com a Rússia promete ser fantástico. Eu estou pela Argélia! Desculpa, Karyaka!

2 comentários:

  1. Golo à ponta de lança, dominou no meio dos defesas e com um toque subtil desviou do guarda redes, fantastico! A Belgica teve uma borrada, é o que eu sempre achei, não tem mentalidade competitiva para este nivel e o selecionador deve querer discutir o prémio burrice com o PB ou o Sabella mas olha... vai-se safando

    ResponderEliminar
  2. Desculpa Karyaka <3
    (o rapaz não era mau de todo, faltavam alguns argumentos)

    ResponderEliminar