segunda-feira, 28 de outubro de 2013

8ª Jornada 2013/14

Porto 3-1 Sporting - Um resultado que espanta mais os portistas que os sportinguistas. Apesar de toda a fanfarronice decorrente desta vitória, não conheço um único adepto dos azuis que contasse com esta exibição e demonstração de superioridade. Os sportinguistas preocupam-se agora, legitimamente, com a forma como a equipa irá reagir à primeira derrota. Acho que não têm motivos para grande preocupação já que o clube não se propõe a ser campeão. A defesa é insuficiente para tais feitos e só mesmo com um Porto e Benfica muito fracos é que o Sporting poderia aspirar a qualquer coisa. Ontem as coisas podiam ter corrido muito pior para o Sporting se o Porto depois do 3-1 continuasse a moer o Rojo e o Mauricio, jogadores que já estavam com atenções centradas nas canelas adversárias e não tanto no jogo. No entanto nem tudo foi mau ontem para os lados de Leonardo Jardim. Se por um lado percebeu de forma cruel que esta defesa é insuficiente para vôos mais altos, por outro deve ter ficado satisfeito com a forma como o seu tridente de meio campo se bateu com Fernando, Herrera e Lucho. O problema é que depois, mesmo quando Adrien ou Martins se conseguiam libertar, o ataque esbarrava numa defesa portista perfeita na antecipação, sendo Carrillo ou Wilson Eduardo ainda muito verdinhos para estas andanças.
Se por um lado este resultado serve para moralizar e muito o Porto, surge agora a dúvida no ar de como irá o Sporting reagir depois do primeiro desaire. Bruno de Carvalho, depois de inúmeras bocas que fizeram vibrar o mais medricas adepto sportinguista, ontem reagiu sereno, sem perder as estribeiras, ao que via em campo. Resignado ou realista? Resignado e realista?

Benfica 2-0 Nacional - Eu juro que vi o Jesus e o Manuel Machado abraçados um ao outro no final do jogo. Não me internem no Júlio de Matos já, eu juro pela mãe da Érica da Casa dos Segredos que eu vi! Eu vi! Também vi o Ivan Cavaleiro e o Gaitán a dançar o bailinho da madeira com o João Aurélio e com o Marçal. Tenho medo é que me internem no Miguel Bombarda se eu disser agora que vi não um, mas dois laterais do Benfica a jogar bem à bola. Dois! O Siqueira e o André Almeida a jogar bem! É demais? Então e se eu disser que o Manuel Machado disse "já fede" na conferência de imprensa? Casa amarela comigo?
O Benfica fez uma exibição segura na defesa, o Matic melhorou, o Gaitán e o Cardozo mostraram classe, o Ivan e o Rodrigo esforçaram-se e o Jesus não inventou, apesar de eu achar perigoso jogar com 2 médios centro em baixo de forma contra jogadores como o Claudemir ou o Jota, que estão num bom momento. Correu bem porque a equipa melhorou, explorou o pobre João Aurélio pela velocidade e o pobre Marçal pelos rins, mostrou determinação e vontade de resolver cedo o jogo.

Braga 0-1 Académica - Vale a pena ver jogos do Braga esta época a não ser que sejam adeptos do Braga. Ver o Edinho a jogar é um espectáculo. Eu quando era puto era um bocado sádico. Às vezes via formigas no parapeito da janela e em vez de as matar logo não, mandava-lhes só assim uma dedada para elas ficarem todas malucas a andar desnorteadas. O Edinho é isto. Parece que levou uma bardoada no cérebro e depois quando a bola é cruzada por um Pardo qualquer, ele em vez de se fazer à bola faz-se às costas dos avançados. Às vezes, em noites de lua cheia, quando um qualquer Aníbal Capela lhe dá uma abébia, em vez de acertar na baliza, acerta na lua com medo que a transformação para lobisomem comece. Mas não é fácil jogar com o Ruben Micael atrás, dizem vocês. Pois não, amigos. Mas o Prof Zualdo optou jogar com o Pardo, Micael e Edinho de início em vez de jogar com o Agra, Alan e Eder. Eu sei que é complicado jogar contra o melhor trinco do campeonato - Fernando Alexandre - mas porra, Reiner Ferreira a lateral esquerdo, Aníbal Capela a central, é preciso ser-se muito cepo para não marcar golos a esta defesa!

Vit.Setúbal 0-0 Belenenses - Horrível. Duas equipas maricas. Que o Setúbal vai piorar com o Couceiro acho que ninguém tem dúvidas, agora o Belenenses do Marco Paulo ir ao Bonfim jogar para o pontinho? Tiveram azar na lesão do Miguel Rosa, mas o Tiago Silva podia perfeitamente ter sido titular - mesmo apesar de ter feito um jogo mauzinho quando entrou. Só quando o Miguel Pedro foi expulso é que se lembraram que havia um jogo para ganhar. Safou-se o Setúbal graças ao Kieszek que fez duas defesas brutais no final do jogo. Muito fraquinho.

Olhanense 1-0 Arouca - Estou triste. O Ricardo, voz de clarinete, nunca mais deve calçar no nosso campeonato. Vou ter saudades deste jogador que tantas alegrias deu aos adeptos dos clubes rivais. O Luisão aposto que está choramingas hoje como eu. Porquê? Porque é que ele não calça mais? É que o Olhanense agora tem guarda-redes! Mais. O Olhanense agora tem defesa. Primeiro, têm na baliza um esloveno monstruoso, Vid Belec, que ontem fez defesas brutais e que tem escola do Inter. Não, não é no Inter da Foz do Iguaçu, é mesmo no Internazionale Milano. Depois, Per Kroldrup! Quem? Se não sabes quem é o Per Kroldrup tenho pena tua. Internacional dinamarquês, fez carreira na Udinese e na Fiorentina. Está nos galácticos de Olhão! Sim! No Olhanense! Ontem fez um jogo do caraças mesmo tendo ao lado um Diakhité qualquer.
O Mehmeti continua cepo todos os dias...
O meio campo do Arouca continua a pensar que os jogos de futebol são um spa ou umas termas para idosos...

Os adeptos do Olhanense continuam revoltados com a situação do seu estádio...
Na sequência desta vitória, Abel Xavier é despedido. Motivo? É futebol, não há razões específicas.
Fim dos galácticos de Olhão... Uma pena. Portugal ainda não está preparado para descolorados.


Paços de Ferreira 1-3 Vitória Guimarães - Estou triste mais uma vez. Acreditem ou não, desenvolvi compaixão pelo péssimo trabalho do Costinha. É o mesmo tipo de compaixão que me faz recordar com saudosismo nomes como Carlos Azenha ou Luís Campos. Grande jogo na Mata Real. Grande apoio vimaranense. O jogo era decisivo e, apesar de tudo, parece-me que Costinha nunca perdeu o controlo do balneário. O problema do Costinha não é na comunicação com o plantel mas sim na preparação táctica da equipa e na falta de noção do que está a fazer ao rodar em demasiado a equipa num plantel manifestamente curto. 
O jogo até começou bem para os castores, com uma grande buja do Sérgio Oliveira, mas a resposta do Vitória foi forte e o Paços pouco esperneou até final do jogo. Mesmo no final da 1ª parte, Gregory comete um dos penaltis mais estúpidos que já vi este ano e faz com que a sua equipa vá para o intervalo empatada. Rui Vitória, que não inventou (Russi foi patético contra o Betis, joga o Tomané), viu a sua equipa entrar com uma raça determinante no desfecho do encontro. Sem Maazou na frente, o Guimarães fartou-se de moer e pressionar o Paços através do Tiago Rodrigues, André Santos (quem o viu e quem o vê) e do Leonel Olímpio. Resultado final: Costinha out. 


Rio Ave 0-1 Gil Vicente - Roderick a titular? Check. Braga e Ukra titulares? Check. Salin titular? Check. Então, sinceramente, o que é que esperavam? Se até no Rio Ave há vacas sagradas que não podem sentar o cu no banco mesmo quando estão em modo Chipre, então é bem feito o que lhes anda a acontecer. Jogo enfadonho, desbloqueado por uma buja do Luís Martins. Grande início de época do rapaz. Grande início de época do Gil do João de Deus. 

Marítimo 1-3 Estoril - Sabem aquele quarteto defensivo da Académica com o Reiner e o Djavan? Esqueçam. Decorem esta defesa: Briguel (lol, quem mais), Márcio Rozário (lol, quem mais), Gegé (internacional por Cabo Verde, GRANDE CEPO), Ruben Ferreira (o lateral palito, que até prometia o salto para um grande... LOL). Balboa, Luis Leal e Sebá, o trio "tá de noite, belhote", não saiu dos barreiros sem 3 espetadas de lulas e gambas no bucho. Golos para todos os gostos, sempre com o carimbo especial duma defesa descontrolada! O Marítimo ainda conseguiu dar uma trinca no Estoril com um penalty inventado pelo Sr Bandeirinha que deve ter tido medo de cair ao buraco da Madeira.

 

 

1 comentário: